Adolescente cristã é suspensa de escola por dizer “Deus te abençoe” a colega

Adolescente cristã é suspensa de escola por dizer “Deus te abençoe” a colega
“Deus te abençoe”. A frase comum aos cristãos causou a suspensão de uma aluna na cidade de Dyesburg, no estado norte-americano do Tennessee.
A adolescente Kendra Turner, matriculada na Dyer County High School, disse a frase para uma colega quando esta espirrou, expressando o desejo de que a colega ficasse saudável. No entanto, a professora entendeu que era impróprio e ordenou que a aluna deixasse a aula imediatamente e fosse para a sala da direção, onde recebeu uma suspensão.
No Brasil, quando alguém espirra, o termo mais comumente usado nestas circunstâncias é “saúde”. Já nos Estados Unidos, a frase mais usada é “Deus te abençoe”, devido a uma tradição cultural iniciada ainda na Europa, em 590 d. C., quando o papa Gregório I ordenou aos fiéis católicos que desejassem a benção divina a qualquer pessoa que manifestasse sintomas de doenças, incluindo a peste bubônica.

Em entrevista à emissora WMC TV, Kendra afirmou que a frase “Deus abençoe” faz parte de uma lista de expressões que a direção da escola proibiu: “Nós não estamos autorizados a dizer expressões como ‘Deus te abençoe’; ‘Desculpe. Foi minha culpa’; ‘rolê’; ‘idiota’; ‘estúpido’ e coisas assim”.
A adolescente disse que a professora não levou em consideração a questão cultural: “Ela perguntou por que eu disse isso, e eu disse a ela que eu estava sendo educada. Então ela me perguntou quem me disse que aquela expressão era sinal de cortesia, educação. Eu disse a ela que o meu pastor e meus pais me ensinaram a agir assim”, resumiu Kendra.
A aluna contou com apoio da igreja Assembleia de Deus que frequenta com os pais. A denominação promoveu um debate sobre liberdade religiosa e Kendra afirmou que não gostaria que a professora fosse tratada de forma hostil, apesar de sua atitude. “Eu quero que seja permitido falar sobre Deus na escola. Eu quero que eles percebam que Deus está no controle e eles não. Eu também não quero que a professora seja atacada, porque esse é o tipo de comportamento seria prejudicial e desrespeitoso”, concluiu.
gospel+
Marcadores:
Reações:

Postar um comentário

MKRdezign

{facebook#https://www.facebook.com/pralexsandrocosta} {twitter#https://twitter.com/iadmps} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/+ALEXSANDROCOSTAPR} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCLIBLkxeaLQZA9uP1ob99Og}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget